domingo, 3 de maio de 2009

Maio de 2009 - Julio Cortázar

Maio será a vez do argentino Julio Cortázar
e seu clássico "O JOGO DA AMARELINHA"





[...] um labirinto literário no qual Cortázar
discute os questionamentos do homem
diante de seu destino, conflitos, dúvidas e paixões.



Existem 2 diferentes formas de ler este livro.

Convidamos você,
leitor do Nosso Clube de Leitura,
a criar o seu próprio livro e ritmo,
e nos contar o que achou, no
encontro do dia 26 de maio.






Para junho o livro votado foi "Inês da minha alma", de Isabel Allende.

4 comentários:

  1. Pato. Buenos Aires7 de maio de 2009 09:40

    Un libro que haciendo honor a su título deja una sensación de nostalgia muy grande al lector.
    Me llamó la atención la soledad de los jóvenes y la forma en que buscan encontrar momentos de calidez entre ellos y en entornos tan poco familiares.
    Muy distintos a nuestros modelos de familia, donde siempre tratamos de darles contención.
    No se si son tan frecuentes los suicidios adolescentes en Japón, pero aquí el ambiente de soledad que viven parece llevarlos hacia ese camino.
    Muy profunda la forma en que Watanabe a pesar de su juventud analiza la vida y creo queda una ventana abierta para que pueda encontrar la felicidad

    ResponderExcluir
  2. Querida Pato,
    Qué lindo que hayas leído Tokio Blues con nosotros! Gracias por compartir tus impresiones!
    Al grupo (el día de la reunión) también le llamó la atención la falta de presencia familiar y la soledad de los personajes.
    Es cierto que Watanabe (siendo adolescente) analiza con mucha profundidad la vida.
    En esa etapa las emociones, la rebeldía y los planteos están como más a flor de piel.
    Creo que Watanabe, tras muchas reflexiones, elige VIVIR, la elige a Midori. =)Seguí leyendo con nosotros, así intercambiamos!
    Un abrazo!
    Gaby =)

    ResponderExcluir
  3. Achei uma noticia interessante no jornal espanhol El país (Junho de 2008). Disse que o Japão é o segundo pais no mundo com mais suicídios detrás da Rússia. Também explica um fenômeno chamado de hikkikomori que são os jovens que escolhem ficar encerrados nos seus quartos porque não podem seguir o ritmo acelerado y competitivo da sociedade japonesa.
    Copio o link por se alguém se interessar em ler a noticia completa.
    http://www.elpais.com/articulo/sociedad/Japon/logra/contener/suicidio/elpepusoc/20080619elpepusoc_2/Tes

    Um abraço, Gabriela.

    ResponderExcluir
  4. O JOGO DA AMARELINHA (RAYUELA) publicada no 1963, foi uma revoluçao literaria.
    Estive lendo algumas entrevistas do escritor e ele disse que a novela mais do que uma experiência literária foi para muitas pessoas um shock existencial.

    Uns dos temas principais do Jogo da Amarelinha é o sentimento profundo do Oliveira (compartilhado também pelo Cortazar) de que a humanidade errou o caminho. E que esta embarcada num caminho historicamente falso que nos leva á uma catástrofe definitiva, a uma aniquilação por qualquer motivo: bélico, poluição do ar, contaminação, cansaço, suicídio universal, etc.
    O Oliveira com sua mediocridade mental e a incapacidade de ir alem de certos limites é um homem que se bate contra a parede, a parede do amor, da vida cotidiana, a parede dos sistemas filosóficos, a parede da política.
    A idéia do Jogo da amarelinha é a comprobação de um fracasso e a esperança de um triunfo. O livro não propõe uma solução, se limita a mostrar possíveis caminhos e ver o que há do outro lado.

    O link da pagina do escritor é:
    http://www.juliocortazar.com.ar/obras.htm

    Um abraço, Gabriela =)

    ResponderExcluir

Escriba su comentario, haga Click en NOME/URL (Nombre), detalle su nombre y gaha Click en PUBLICAR COMENTARIO.
Para deixar um comentário, após escrevê-lo, escolha a identidade NOME/URL, escreva seu nome e clique em PUBLICAR COMENTÁRIO.